quinta-feira, 30 de junho de 2011

Fisiologia de uma saída à noite.

Se ás vezes ser mulher em termos de saída é uma vantagem (entradas mais baratas, ladies night's, bebidas à pala, etc.), há outras vezes em que já não é assim tão vantajoso. 
Existem sempre grupinhos especializados de pequenos pain in the ass (aqui um agradecimento especial ao número exagerado de séries americanas que ando a ver) que tornam a nossa noite, ligeiramente incomodativa. 

1.Sou um futuro candidato ao casting dos "Morangos com Açúcar", temporada 31874255.
Todos vestidos com roupa da moda, fiquem ridículos nela ou não. O que interessa é que se veja bem a marca e a combinação do estilo e a forma como falam. De um momento para o outro, o nosso nome do cartão de cidadão fica automaticamente inutilizado e todos os membros do sexo feminino passam a ser automaticamente denominadas de "babe", ou qualquer nome dentro do género. Acham que o mundo é uma discoteca gigante cheia de raparigas desejosas que eles a convidem para uma festa "super restrita" qualquer a que eles milagrosamente foram convidados e acham que se não queremos, é porque somos uns pequenos amores que só nos queremos fazer de difíceis. 

2. A  palavra "não", nunca constou do meu dicionário. 
Nunca lhes foi recusado nada. O action man quando eram miúdos, a playstation e o gameboy quando eram adolescentes e muito menos o bmw x6, o Ipod e o portátil da Mac quando começaram a ser adultos (unicamente no BI, claramente). Mesmo que alguém lhes diga não, estão só a brincar e na verdade elas estão "mesmo no papo". Se uma rapariga não está interessada, simplesmente ainda não se apercebeu o que está a perder e não é nada que umas oferecer umas bebidas não possa resolver. Pagas com Visa Platinum (isso existe?), claro. 

3. Tenho 6 filhos de 4 casamentos, estou no 5º divórcio mas gosto mesmo é da noite e de miúdas cuja idade ainda não chegou aos 30. 
Têm idade para ser nossos pais, nossos tios, quiçá, nossos avôs. Mas mesmo assim estão em grande na noite a engatar miúdas de 20 porque a crise da meia idade é uma coisa de psicólogos sem nada para fazer e todas as raparigas a-d-o-r-a-m homens "maduros" que lhes queiram ensinar umas coisas. Dá-se o caso de geralmente elas é que têm alguma coisa a ensinar, tipo consciência e bom senso. E como mandar alguém passear pode ser uma frase melodiosa. 

4. Dou um coro fenomenal, original e nunca antes visto!
Aqueles que acham que três ou quatro fases e ela já está caídinha. Se for preciso umas cinco ou seis porque há algumas que se armam em parvas. Usam frases como "pareces a minha próxima namorada" e "és tão linda que até fazes esta discoteca andar à volta" (têm a certeza que não é o álcool?). Lamento a desilusão rapazes, mas não são frases feitas conhecidas por este mundo e o outro que vos vão fazer ter sorte. É duro, eu sei. 

E se pensam que estas personagens têm alguma espécie de pré-selecção durante a sua escolha predatória, enganem-se. Estes elementos mandam a Teoria da Evolução da Espécies de Darwin pela sanita abaixo. Qualquer coisa que vista mais que um 30 de soutien, tenha cabelo relativamente comprido (não tem de ser muito) e pareça uma rapariga ou use vestido... já está bom para eles. O que interessa é marcar golos. 
Fujam deles minhas queridas, fujam deles. 

9 comentários:

  1. "és tão linda que até fazes esta discoteca andar à volta LOLOL matou-me. dou.te toda a razão, copias exactas do cristiano ronaldo sem conteúdo nenhum.

    ResponderEliminar
  2. Ahahahahah! Muito bom este post, já me ri aqui com isto!! Mas tens toda a razão... há mesmo esses grupos por ai e irritam-me deveras... sobretudo aqueles do Morangos com Açucar... se bem que ultimamente ser personagem da série é mau presságio (Dino, Sónia Brazão e Angélico).

    Acho mesmo que existe esse Visa...digo eu... também não sei... mas tem mesmo nome de cartão de crédito de malta riquinha!!

    Mas como eu visto menos de 30 de soutien... tenho o cabelo curto...não uso vestido e não pareço uma rapariga... tenho tudo para estar descansadinho numa saida a noite! Certo?

    ResponderEliminar
  3. Fartei-me de rir!! Mas é o relato perfeito da actualidade!

    ResponderEliminar
  4. ahaha! No outro dia um virou-se para mim e disse: "Não gosto que estejam de costas para mim" e pôs-se ao meu lado, não contente voltou-se e disse "Desculpa estar sempre a olhar para ti mas é que danças mesmo bem". E continuou com investidas do género lembrando-se no fim de dizer a frase velha velhinha, "posso-te conhecer?". Filho, não achas que andas com as ideias um bocado trocadas? Enfim, acho que lhes faltou um bocado de psicologia a menos e estalo a mais na infância!

    ResponderEliminar
  5. Gente básica e facilmente decifrável... dispenso.

    ResponderEliminar
  6. É que nem vale muito a pena... para estragarem a noite, é dispensável.

    Beijooo********

    ResponderEliminar
  7. Não podias ter mais razão, gente mais imprestáveis!

    ResponderEliminar
  8. adorei! é que isso é mesmo o retrato de certos pintas ahahah

    ResponderEliminar