segunda-feira, 30 de abril de 2012

Coisas que me irritam.

Aquelas publicações no facebook, geralmente por causa de crianças em África a morrer de fome, ou cancro da mama ou outro assunto sensível qualquer, que se resumem em qualquer coisa como: "Se não partilhares é porque não tens coração" ou "Bla bla bla partilha isto e mostra que te preocupas!" ou outras chantagens emocionais dentro do género. 

Minhas pessoas que se lembram de invadir o facebook com essas actualizações, façam o favor de ir bater dez vezes com a cabeça contra uma parede. Não é egoísmo não partilhar essas merdas, aliás, fazê-lo é que é estupidez no seu estado mais puro. Porque aqui vai uma noticia que é capaz de vos chocar: Não adianta de nada. É hipocrisia disfarçada de sensibilidade social.

Querem ajudar? Façam doações (e não precisam de ser monetárias, há inúmeras formas de ajudar) a instituições que realmente precisam e aí sim, podem dizer que realmente se preocupam com essas coisas. Não venham pregar aos sete mundos as boas almas que vocês são só porque perderam um segundo das vossas vidas a clicar em "share" numa página da net, para depois desligarem o pc e nunca mais pensarem nisso.  

Por isso, parem de invadir o meu facebook a dizer o quanto eu são egoísta, insensível e malvada por não perder tempo a partilhar isso, sim?
Agora, vá, idem bater com a cabeça na parede que eu não me esqueci! 

3 comentários:

  1. Também não gosto nada. Aliás, o facebook já me anda a encher a paciência há algum tempo por causa dessas paroladas e outras que tais... Kiss.

    ResponderEliminar
  2. Ora nem mais, a utilidade desse tipo de frases resume-se basicamente a nada!!

    ResponderEliminar
  3. Essa mensagens correntes servem simplesmente como uma máscara quem as faz e partilha! Proclamar aos 4 ventos que somos a alma mais caridosa do mundo, se na realidade só o somos nas redes sociais.Carregar "partilhar" nunca retirou a fome ou a tristeza a ninguém!

    ResponderEliminar