quarta-feira, 20 de junho de 2012

Voltar para casa é...


O meu pai fazer-me no jardim, o canteiro de ervas aromáticas que eu lhe andava a pedir à séculos.
Salsa, coentros, cebolinho, tomilho, hortelã, manjericão e alecrim. Rúcula Selvagem e malaguetas a caminho! 
Não há nada que torne a comida mais perfeita do que ervas frescas acabadas de apanhar :) 

2 comentários:

  1. Cá em casa é assim, quase tudo do quintal, vantagens de viver na aldeia.

    Resp: Isso eu não sei bem, mas julgo que sim.Sou uma valente desbocada durante o sono.

    ResponderEliminar
  2. eu tenho isso tudo no quintal também. é muito bom :)

    ResponderEliminar